Menu

Lakin Ogunbanwo: Retratos enigmáticos

Retrato de Lakin Ogunbanwo

Trabalhando na confluência da fotografia de moda e do retrato clássico, o jovem fotógrafo nigeriano Lakin Ogunbanwo cria retratos enigmáticos com um tom erótico e subversivo. Seus modelos aparecem em quadro muitas vezes mascarados por sombras, cortinas e folhagens. Seu uso de cores planas vibrantes e composições arrojadas formam uma homenagem mais minimalista à fotografia de estúdio africana popular nas décadas de 1960 e 70.

Foto: Lakin Ogunbanwo
Da série “e wá wo mi”
Foto: Lakin Ogunbanwo
Da série “e wá wo mi”

No centro da investigação artística de Ogunbanwo, está o desejo de documentar a cultura de Lagos; expandir o arquivo visual africano contemporâneo; e retratar narrativas africanas auto-representadas. Ele documenta a complexidade de sua cultura usando o retrato velado e a moda como um significante cultural e, ao fazer isso, neutraliza o olhar monolítico do Ocidente na África.

Foto: Lakin Ogunbanwo
Da série “e wá wo mi”
Foto: Lakin Ogunbanwo
Da série “e wá wo mi”

O ponto central da sua série “e wá wo mi” é a cultura que envolve as noivas e as cerimônias de casamento nigerianas. Ogunbanwo usa retratos velados para documentar a complexidade de sua cultura e neutralizar as narrativas monolíticas do Ocidente da África e das mulheres.

Foto: Lakin Ogunbanwo
Da série “e wá wo mi”

Nascido em Lagos, na Nigéria, em 1987, o trabalho de Ogunbanwo já foi publicado no The New Yorker, no New York Times, na Vogue Italia, na ID online, na British GQ e na Riposte Magazine, entre outros.

Foto: Lakin Ogunbanwo
Da série “We Must Not Be Looking”
Foto: Lakin Ogunbanwo
Da série “We Must Not Be Looking”

Recentemente, ele recebeu uma residência de três meses em Amsterdã pela Fundação Thami Mnyele, que ocorrerá em 2021. Ele também participou da Residência MMCA programada pelo Museu Nacional de Arte Moderna e Contemporânea, na Coréia.

Em sua trajetória também destaca-se a exposição Africa Now (2017), apresentada nas vitrines da Galeries Lafayette em Paris. Seu trabalho faz parte da coleção pública da Galeria Nacional de Victoria, na Austrália, e da Coleção Wedge, em Toronto, Canadá.

Foto: Lakin Ogunbanwo
Da série “Are We Good Enough”
Foto: Lakin Ogunbanwo
Da série “Are We Good Enough”

09/06/2020

0 comentários em “Lakin Ogunbanwo: Retratos enigmáticos”

Publique seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado.