Skip to content

26 de fevereiro de 2016

Shin Noguchi: fragmentos do cotidiano

 

 

“Pessoas vivendo suas vidas. Às vezes, desesperadamente; em outras, de forma solitária; também ajudando os demais, rindo, chorando.” No ensaio em andamento Something Here [Algo aqui], de Shin Noguchi, a complexidade da vida humana é observada por um olhar que persegue a simplicidade das coisas, momentos corriqueiros, fragmentos da rotina.

 

 

 

 

A ideia de “fragmento”, aliás, talvez seja a porta de entrada mais precisa para entender as fotos de Noguchi. A fragmentação por vezes se materializa em enquadramentos que cortam os corpos. Também na forma como as imagens explicam muito pouco de seus contextos, deixando ver apenas seus próprios enigmas. Como resume o título, ficamos com a impressão de que “algo acontece aqui”. As pistas, no entanto, são opacas – cabe ao espectador explorar os pedaços de narrativa que se apresentam.

 

 

 

 

Vivendo entre Tóquio e Kamakura, Japão, Shin Noguchi descreve sua fotografia de rua como uma tentativa de capturar momentos de beleza e excitação em meio fluxo da vida cotidiana. Já teve fotos publicadas em periódicos como Libération, Haaretz e The Independent.

 

 

 

Comments are closed.