Skip to content

12 de janeiro de 2012

O cão é o melhor amigo de William Wegman

Desde os anos 1970 o norte-americano William Wegman trabalha artisticamente em diversos suportes, com suas fotografias, pinturas e vídeos. Seus trabalhos mais famosos são as séries fotográficas com cães da raça Weimaraner. O artista também é considerado pioneiro na videoarte: produz pequenos clipes experimentais, também protagonizados por seus cachorros.

Retrato de William Wegman. Foto: Tim Mantoani.

A intenção original de Wegman era construir uma carreira como pintor, tornando-se mestre em Artes. Já como professor da Universidade de Califórnia, comprou o primeiro e mais famoso de seus cães, Man Ray — uma homenagem ao fotógrafo homônimo. Logo, ele se tornou o elemento mais marcante de suas fotografias e, de tão popular, foi nomeado o “homem do ano” pela revista Village Voice em 1982.

Red Toy, 2006. Foto: William Wegman.

Spring, 2002. Foto: William Wegman.

Com a morte do cão, Wegman demorou anos até ter coragem para substituí-lo. Acabou comprando Fay Ray, também da raça Weimaraner, batizada em homenagem à famosa atriz de cinema. Com a primeira ninhada de Fay, em 1989, a família cresceu, abraçando seus filhos Battina, Crooky e Chundo e, mais tarde, os netos (bisnetos e tataranetos) Chip, filho de Battina; Bobbin, filho de Chip; e Penny, filha de Bobbin.

Canon Aside, 2000. Foto: William Wegman.

Entabled, 1988. Foto: William Wegman.

Wegman fotografa seus cães em poses que parecem dirigidas, muitas vezes enfeitados e com adereços. É importante não se deixar enganar pelo toque de humor presente em seu trabalho: uma possível interpretação é a de que ao inserir seus cachorros em um universo particular dos homens, encarnando muitas vezes o estilo de vida americano, Willian satiriza com a nossa realidade, e não com os cães. De forma espirituosa, suas fotografias tecem um comentário divertido sobre os elementos absurdos de nosso cotidiano.

Ethiopia, 2005. Foto: William Wegman.


Game Board. Foto: William Wegman.

Outro dos aspectos interessantes de seu trabalho é que, ao mesmo tempo em que ele se tornou respeitado no mundo inteiro e ganhou coleções permanentes em museus, suas imagens também têm forte apelo popular. Seus cães apareceram em livros, anúncios publicitários, filmes e programas de TV (como Vila Sésamo e Saturday Night Live).

Leaf Line, 2005. Foto: William Wegman.

Ray, 2006. Foto: William Wegman.

Share your thoughts, post a comment.

(required)
(required)

Note: HTML is allowed. Your email address will never be published.

Subscribe to comments