Skip to content

22 de março de 2016

A dignidade animal, por Cally Whitham

 

 

“Busco resgatar um pouco da dignidade dos animais que nos nutrem e trabalham para nós, os quais na maioria das vezes vemos somente como produtos.” Essa é a perspectiva que norteia a produção fotográfica da neozelandesa Cally Whitham. A série Epitaph [Epitáfio] é parte de um interesse mais amplo da fotógrafa em buscar valor em tudo aquilo que nos passa despercebido na vida cotidiana.

 

 

 

 

Whitham dedica especial atenção a pássaros e outros animais que foram levados para a Nova Zelândia no período de colonização do país, ao longo do século 19. “Nosso começo rural dependia muito de pássaros domésticos e animais de fazenda”, conta a fotógrafa. “Nos divorciamos da terra e do que comemos, reduzindo esses nobres sujeitos a quilos de carne”, completa.

 

 

 

 

Cally Whitham graduou-se na escola de Design da Unitec, em Auckland, Nova Zelândia. Em suas imagens, transforma o ordinário em surreal, refletindo a forma como as coisas são percebidas e alteradas pela memória. Vive e trabalha na Nova Zelândia, tendo fotos suas publicadas em diversas publicações especializadas em fotografia.

 

 

 

 

 

Comments are closed.