Skip to content

6 de janeiro de 2017

Petros Koublis: paisagens do entorno ateniense

 

 

Os arredores de Atenas são o tema do ensaio In Landscapes [Nas paisagens], do fotógrafo grego Petros Koublis. Em sua reflexão sobre o ensaio, Koublis não deixa de tomar o urbano como ponto de partida para desenvolver o trabalho, com a particularidade dos recentes tempos de crise que colocaram a capital grega no centro das discussões sobre os rumos do capitalismo e da União Europeia. “É um silêncio prolongado [ao redor de Atenas] que parece cercar o choro alto e desesperado que sai da cidade”, observa.

 

 

 

 

Não só o silêncio – em oposição ao ruído – como também as diferenças temporais entre o espaço urbano e suas margens que interessam ao fotógrafo: a aparente imutabilidade da natureza em contraste com as transformações repentinas e radicais da vida de Atenas. Além disso, também as trocas entre o ser humano e seu entorno – a forma como habita e se deixa habitar pelas paisagens – é um dos focos de interesse de Koublis.

 

 

 

 

“A paisagem é um estado ilimitado. Não se restringe à área visível diante dos nossos olhos. Estende-se por uma distância indefinida, alcançando os limites da nossa interpretação sobre nós mesmos e sobre o mundo ao nosso redor, pois cada paisagem se define em algum momento como o vasto campo aberto onde nossos pensamentos e sentimentos se encontram com o mundo exterior. É um campo imaginário e real ao mesmo tempo, um estado perpétuo e uma revelação momentânea”, reflete o fotógrafo.

 

 

 

 

Nascido em 1981, Petros Koublis atua como fotógrafo desde 2000. Fotografa e escreve para sites e revistas ao redor do mundo, incluindo a edição norte-americana do The Huffington Post, além de desenvolver projetos pessoais. Atualmente, vive entre Nova York e Atenas.

 

 

 

 

Comments are closed.